Categoria: Benefícios

Feito a Mão com Amor

Regras do Empréstimo Bolsa Família

Você sabia que é possível fazer empréstimo Bolsa Família 2022? Pois saiba que os beneficiários do programa social podem solicitar o empréstimo Bolsa Família 2022 para empreender um negócio e, dessa forma, prover sustento à família.

O benefício é chamado de Microcrédito Progredir e o seu valor só é liberado para aqueles que desejam abrir um empreendimento ou que já possuem um negócio.

Saiba mais sobre o Bolsa Família e como ter dinheiro emprestado do Governo Federal para melhorar de vida. Acompanhe!

O que é Bolsa Família?

Bolsa Família 2022 é um programa de inclusão social para famílias de baixa renda. O benefício é de R$ 89 (extrema pobreza) a R$ 178 (pobreza), mas o valor só é dado para quem tiver cadastro Bolsa Família 2022 (CadÚnico).

Além disso, se houver membros na faixa de 0 a 17 anos, gestantes ou nutrizes, o benefício extra será de R$ 41 a R$ 48 (neste último caso, apenas se houver adolescentes de 16 a 17 anos).

Uma vez aprovado no programa social, a família receberá um cartão Bolsa Família para realizar o saque ou poderá receber o pagamento na conta corrente cadastrada. Em ambos os casos, o saque é feito nas agências Caixa ou em Casas Lotéricas.

Como funciona o empréstimo Bolsa Família 2022?

O empréstimo Bolsa Família 2022 é um projeto do Governo Federal para ajudar as famílias pobres que desejam abrir um pequeno negócio, mas que não possuem todos os recursos necessários.

Isso significa que o valor do empréstimo não pode ser usado para outros fins que não seja para investir em um empreendimento.

Mas, para que essas famílias possam conseguir dinheiro emprestado, não basta apenas estar cadastrado no CadÚnico, é preciso seguir algumas regras, como:

  • Ter o cadastro ativo e atualizado no Bolsa Família 2022;
  • Ter fiador;
  • Possuir uma renda além do Bolsa Família;
  • Permitir a visita dos representantes legais do programa para a avaliação.

Dessa forma, a família terá direito ao Microcrédito Progredir, um recurso com baixas taxas de juros e que possibilita o usuário a abrir ou a expandir seu negócio.

Qual o valor do empréstimo Bolsa Família 2022?

Todos que estão cadastrados no Bolsa Família e seguem as regras citadas no tópico anterior têm direito a um empréstimo no valor máximo de R$ 15 mil. O recurso mínimo do Governo Federal é de R$ 300.

Lembrando que as taxas de juros são baixas, cerca de 1%, e que o valor do empréstimo Bolsa Família 2022 só deve ser usado para investimentos.

Portanto, estão descartadas compras de material escolar, reformas domésticas, pagamento de dívidas, e qualquer outro gasto que não seja investimento em um negócio.

  • Leia também: Datas de pagamento à vista e parcelado de Impostos em SP

Como solicitar o empréstimo do Bolsa Família?

Se você se encaixa nas regras de empréstimo Bolsa Família 2022 e tem direito ao microcrédito, então siga o passo a passo abaixo para fazer sua solicitação:

  • Acesse o site do Ministério da Cidadania “Fortaleça seu Negócio” → Clicando aqui;
  • Clique em “Novo Cadastro”;
  • Informe seu CPF, o Estado onde mora e marque a caixa “Não sou um robô”;
  • Clique em “Prosseguir”;
  • Preencha com os seus dados e dos membros familiares;
  • Aguarde o contato do banco.

Após receber o contato, é preciso comparecer à instituição bancária com os documentos solicitados e o fiador. Feito o procedimento administrativo, você poderá receber o valor do empréstimo.

É possível simular empréstimo Bolsa Família 2022?

Não. Ainda que haja sites para simular outros tipos de créditos, ainda não existe um simulador de empréstimo Bolsa Família.

Isso porque, o valor do dinheiro emprestado é analisado por um avaliador do banco para saber as circunstâncias em que o dinheiro está sendo solicitado.

Mas, qualquer novidade nesse sentido será atualizada neste artigo. Portanto, não deixe de visitar nosso site!

13° Bolsa Família: Valor, Data de Pagamento e Saque

Muitas famílias aguardam o 13º Bolsa Família 2022, desde que o benefício foi implantado no final de 2019. Mas, será que teremos o 13º Bolsa Família 2022, ou foi apenas um benefício dado uma única vez?

A resposta está neste artigo onde vamos abordar o Bolsa Família 2022 e o funcionamento do Décimo Terceiro Salário instituído pelo Governo Federal. Acompanhe!

O Décimo Terceiro Bolsa Família foi instituído pela Medida Provisória 898, que consiste em um Abono Natalino a todas as famílias beneficiárias do programa.

O pagamento é feito de forma integral e tem como objetivo beneficiar famílias que estejam em situação pobre ou de extrema pobreza.

O que nem todo mundo deve saber é que, enquanto o 13º Bolsa Família 2022 do Governo Federal é incerto, em Pernambuco o benefício é lei, sendo pago todos os anos.

A diferença é que o valor é de R$ 150, justamente para atender a todos os beneficiários.

Quem tem direito ao 13º Bolsa Família 2022?

Todas as famílias que recebem o Bolsa Família 2022 tem direito ao Décimo Terceiro, mas é preciso prestar atenção nas regras de concessão do benefício.

Por isso, veja abaixo quais são as famílias que podem receber o 13º Bolsa Família 2022:

  • Aquelas cuja renda mensal é de até R$ 89 por pessoa, se encaixando na situação de extrema miséria;
  • Aquelas cuja renda mensal é de até R$ 178 por pessoa, se encaixando na situação de pobreza.

O valor do benefício é de R$ 89, mas o cidadão pode ganhar mais caso tenha os seguintes membros na família:

  • Crianças, adolescentes e grávidas – R$ 41 cada;
  • Adolescentes entre 16 a 17 anos – R$ 48 cada.
  • Também é válido informar que existe um limite para o recebimento do benefício: até R$ 372.

Valor do 13º Bolsa Família 2022

Depois da notícia de que o Governo Federal implantará o Abono Natalino para os beneficiários do Bolsa Família, muita gente já está na expectativa de que a gratificação seja dada todos os anos.

No entanto, o valor do 13º Bolsa Família 2022, como já mencionado neste artigo, é uma incógnita, visto a dificuldade do congresso em tornar o abono permanente.

Segundo nota no UOL, o plano do Governo era pagar o 13º apenas uma vez, como promessa de campanha do Presidente Jair Bolsonaro, mas enfrenta resistência:

[…] o senador Randolfe (Rodrigues – Rede-AP) resolveu, em seu relatório, tornar a medida uma política de Estado, permanente. O governo tenta impedir o avanço do tema porque cálculos preliminares mostram um impacto de R$ 8 bilhões aos cofres públicos. A estratégia para isso acontecer é não votar a MP.

Dessa forma, ainda não há novidades sobre o que vai acontecer, mas, por enquanto, ficamos com os valores atuais da gratificação natalina:

Ou seja, o Décimo Terceiro do Bolsa Família é o dobro do valor mensal que a família recebe durante o ano.

Calendário de Pagamento do 13º Bolsa Família

Como ainda não temos os novos valores do Abono Natalino do Bolsa Família, também não temos como saber a tabela com as datas de pagamento do benefício extra.

Entretanto, as datas mais recentes ajudam a prever, mais ou menos, quais serão os novos prazos para o Governo pagar o 13º Bolsa Família 2022.

As datas são de acordo com o último dígito do Número de Inscrição Social (NIS). Veja na tabela abaixo o esperado para o calendário Bolsa Família 2022:

Como sacar o Décimo Terceiro do Bolsa Família?

O saque do Décimo Terceiro Salário do Bolsa Família será feito nas mesmas contas em que o beneficiário recebe o auxílio todos os meses, inclusive nas mesmas datas.

Então, não é preciso se preocupar, porque o 13º Bolsa Família 2022, quando pago, poderá ser sacado da mesma forma de sempre, seja nas Casas Lotéricas ou na Caixa Econômica Federal.

Este artigo está sujeito a alterações em caso de novidades sobre o Abono Natalino para os beneficiários do Bolsa Família.

Leia a seguir: Telefone Bolsa Família: 0800 Bolsa Família

TV em alta definição de graça para famílias carentes

Pouca gente está atenta para esse fato, mas já na primeira metade do ano que vem, o sinal analógico vai parar de ser transmitido para a maior parte do Brasil. Isso por causa da substituição do sinal analógico pelo sinal digital, que já está implantado na maioria do Brasil, com sinal de alta qualidade distribuído gratuitamente para todas as pessoas que possuam aparelhos televisores com conversor digital integrado.

Para garantir que você tenha o seu sinal cortado, é necessário ter um conversor digital instalado para poder aproveitar a qualidade do sinal digital. Se seu televisor foi fabricado após 2011, ele já possui o conversor digital integrado, porém, se for mais antigo, você vai precisar instalar um conversor digital externo para poder sintonizar nos canais digitais.

TV de alta qualidade para famílias carentes

O Governo federal sabe que milhões de brasileiros ainda vivem com o orçamento apertado, e que nem todo mundo vai conseguir separar dinheiro para comprar um conversor externo, por isso, o Ministério do Desenvolvimento Social, em parceria com o Ministério das telecomunicações, lançou em conjunto o programa Seja Digital, que vai distribuir conversores e antenas digitais gratuitamente para famílias beneficiadas pelos programas de assistência Social do Governo Federal.

As famílias beneficiadas pelo programa receberão um kit completo para instalação do conversor digital, contendo a antena digital, o conversor digital, e o cabeamento necessário para fazer a ligação entre a antena e o conversor.

Para participar do programa, as famílias precisam estar inscritas no CADÚNICO do Governo federal, e estar inscritas e participando de pelo menos 1 programa de apoio social do Governo Federal, como é o caso dos programas Minha Casa Minha Vida, e do Calendário Bolsa Família 2022. Para receber a sua antena, é necessário antes ligar para o telefone 147 e encomendar a retirada do kit. Assim que o kit estiver disponível, basta você comparecer ao CADÚNICO da sua cidade e solicitar a retirada da antena digital e do conversor.

Instalação do KIT Seja Digital

A instalação do KIT é simples e similar a instalação da antena analógica. Você precisa instalar a antena apontada para a fonte de distribuição mais próxima da sua residência, e ligar a antena ao conversor digital externo. O conversor, por sua vez, deve ser ligado no aparelho televisivo, que a partir daí, vai poder sintonizar diretamente na programação do sinal digital.

  • Leia também: Veja como é feito o cálculo do Imposto de Renda

Sinal digital para todos

Apesar da distribuição do conversor gratuita ser voltada apenas para as famílias de baixa renda, qualquer cidadão tem direito de sintonizar o sinal digital gratuitamente em sua residência. Para isso, basta comprar o aparelho e instalar em sua residência. O conversor externo pode ser comprado a partir de R$200, e será também necessária a instalação de uma antena digital para captar o sinal no seu aparelho.

Outra alternativa é substituir seu televisor velho por um novo aparelho, com conversor digital integrado. Por determinação do Ministério das Telecomunicações, todos os aparelhos à venda no Brasil já vêm com o conversor integrado, e qualquer pessoa poderá sintonizar o sinal de alta definição gratuitamente.